Engravidei a mãe do meu amigo

Olá o que vou falar aqui e uma história real me chamo Roger tenho 1,83 cm 25 anos moreno solteiro moro no interior de Sp onde tenho família e amigos entre eles Cadu que tem a minha idade mora a 15 min de minha casa nos conhecemos a anos e temos uma grande amizade
Cadu é dono de um bar simples famoso buteco ” herança ” de seu pai já falecido a alguns anos Cadu mora com seu irmão Vitor 19 anos que é estudante e sua mãe Cida uma coroa de 45 anos não e bonita nem gostosa é a típica coroa o corpo não e muito atraente magra mais com barriga meio flácida com gordurinhas seu único atributo são os seios grandes e que chamam a atenção inclusive de vários fregueses do bar.

Por conta da pandemia nos últimos meses a receita do bar caiu muito poucos freguês e movimento mas dali vinha parte do sustento da família Cida trabalhava fora mas o bar era um complemento de renda para a família quem cuidava era Cadu mas nesse período de covid resolveu ir a trás de outro emprego com bom currículo conseguiu e foi chamado para trabalhar em uma transportadora da cidade e por isso não conseguiria cuidar do bar foi então q ele resolveu me oferecer um emprego no bar ficaria lá no período em q ele estivesse trabalhando como forma de complementar a renda deles já q não queriam fechar o bar como eu estava desempregado resolvi aceitar trabalho fácil servi os clientes cuidar do balcão coisas comuns de bares.

Assumo meu posto trabalho normalmente nos primeiros dias até conto com auxílio de Cida que chega de seu serviço por volta das 18:00 e ajuda com as tarefas do bar tudo ia bem normal até que em uma sexta feira já perto da hora de fechar o bar Cida que era católica daquelas bem fieis de frequentar missa frequentemente e etc resolve me pedir uma caipirinha achei estranho mas fiz levei até sua casa q era logo nos fundos do bar como era amigo a muito tempo sempre frequentei a casa de Cida e Cadu então abri a portão e lhe dei o copo e voltei para o bar.

Dado a hora de fechar vou até a casa perguntar se Cida quer algo e aí vejo Cida já nem mole bêbada chapada na gíria popular com a caipirinha como não tinha costume de beber era fraca para bebida e rapidamente o álcool subiu resolvo ajudar Cida que parece eufórica a coloco no sofá mas Cida acaba caindo sobre mim seus seios caiem sobre meu pescoço e nessa hora começa o que seria uma noite inesquecível nunca havia olhando para Cida com outros olhos mas aquela cena de seus seios me chamaram a atenção o tesão tomou conta e num impulso decido beijar Cida q corresponde a partir daí fica incontrolável começo a acariciar os seios de Cida que estava de vestido já sem controle pego ela em meus braços e a levo ao seu quarto mais precisamente a sua cama lá continuo tiro o vestido de Cida e vejo uma barriga grande e tbm seus seios atrás daquele sutiã bege resolvo continuar até chegar a sua calcinha a tiro e vejo sua buceta pequena mais bem peluda típica de uma coroa meu pau a essa hora quase saltava da calça resolvo tira-lo movido pelo tesão nem lembrei de camisinha preservativo algo assim afinal de contas Cida já era coroa 45 anos devia estar na menopausa entao coloco meu pau na buceta de Cida estava difícil penetrar Cida a muito tempo desde a morte do marido não transava com ninguém forcei até q Cida deu um grito seguido de gemidos meu pau havia penetrado Cida resolvo continuar a forçar.

Sinto sua buceta comprimir meu pau e seus sucos vaginais era Cida gozando começo o movimento de vai e vem papai e mamãe e ao mesmo tempo chupando seios de Cida me sentia tomado pelo desejo fico nessa por uns 10 min até q percebo q o gozo está por vir já havia uns 10 dias q não transava isso aumentou a sensibilidade e me fez gozar rápido quando não aguento mais nem pensando nas consequências explodo dentro de Cida era muita porra inundando seu útero solto vários jatos em sua vagina que a porra até escorre caí exausto ao lado de Cida q nesse momento parecia em transe completamente largada mole imóvel suspirando minutos depois me visto e vejo q Cida continua bêbada decido então leva-la ao banheiro de seu quarto dei um banho nela a vesti e depois dei bastante água quando olho no relógio já era por volta de 21hrs Vitor e Cadu chegam por volta de 22:00 22:30 após o banho e muita água Cida fica melhor mas preocupada e com certo remorço do q fizemos q decide as pressas me ” expulsar ” da casa dizendo q ela era de respeito q isso não deveria ter acontecido q foi fraqueza carência dela e pra mim esquecer isso.

Volto pra casa torcendo pra ela não falar nada aos filhos primeiro pela amizade com eles em especial com Cadu segundo pq poderia perde o emprego e no momento de pandemia precisava daquele serviço no entanto no outro dia chego para trabalhar Cadu age naturalmente e vai para o trabalho e assumo meu posto no bar até às 18:00 quando Cida chega passa direto pelo balcão sem me comprimentar e entra para sua casa sigo o trabalho pois Havia clientes no bar e só por volta das 20:00 hrs em q fechei vou até Cida para conversar quando bato a porta Cida abre já me dizendo :
Olha ontem foi um erro esqueça aquilo só tive um homem na vida meu falecido marido vc e jovem amigo dos meus filhos isso foi um erro é bom pararmos por aq.

Para evitar problemas decido concordar a contra gosto pós apesar de não ser bonita Cida tem um belo par de seios e como já havia comido ela uma vez queria repetir mais nada feito Cida agia como se nada tivesse acontecido já voltará a conversa a ajudar no bar depois que chegava do serviço a conversa com clientes comigo mais nunca mais tocou no assuntou ou me chamou para entrar em sua casa ou pediu q fizesse bebida a ela.

Passado 1 mês e meio aproximadamente da transa noto diferença em Cida um dia no bar me ajudando com os clientes faço uma porcao de peixe para os fregueses Cida q estava na cozinha passa mal uma espécie de enjôo e vai a sua casa depois volta com uma água e diz q o cheiro de fritura de peixe a deixou enjoada num primeiro momento passa batido mais outro fato me chama atenção no dia seguinte assim q entro no serviço Cida está na casa o que eu normalmente não ocorre já que nesse horário Cida está trabalhando também mas nesse dia ela não fora trabalhar dizendo q iria no médico para consulta de rotina não vejo nada demais e continuo meu serviço até hora q Cida retorna do médico por volta das 14hrs sem ninguém no bar Cida me pede para encostar o portão e fechar pois queria conversar comigo obedeço fecho e vou até sua casa para conversamos chegando lá vejo Cida chorando com alguns papéis na mão assim q entro Cida diz :

Olha o q voce fez aí meu deus e agr ?
pergunto o q foi?
ela : Sabe o q e isso são exames q eu fiz pois já desconfiava a um tempo vc não usou camisinha gozou dentro de mim e agora estou grávida como vou explicar isso aos meus filhos e a família do meu falecido marido ?
me espanto e pergunto : vc com essa idade (45) pra mim já estava na menopausa viúva sem nenhum namorado como podia imaginar afinal transamos uma vez só
Cida rebate : Ainda não estou na menopausa nunca tive outro homem além de meu marido e agora voce me engravidou o q vou fazer viúva e grávida aos 45 anos de um amigo do meu filho como vou explicar a eles…

Na hora me bate um desespero fico sem reação como podia imaginar q uma simples transa com uma coroa poderia me tornar pai ? Como iria contar a Cadu a minha família e amigos q engravidei Cida fora o risco da gravidez pois ela já tinha 45 Indago se o filho era meu
Ela brava querendo me bater responde : Lógico q é seu filho da pu*.. além de se aproveitar de um momento q estava bêbada pra me comer vai e goza dentro me enche de porra e pergunta se o filho é seu tirando meu marido voce foi o único q me comeu.
Passado alguns dias converso com Cida a fim de assumir a criança e revelar a todos o q aconteceu mas para minha surpresa Cida armou um plano

um dos clientes João Carlos era apoixonado por Cida e apesar dela saber nunca deu muita bola tiozão 50 anos aposentado viúvo sem filhos morava sozinho Cida resolve lhe contar a história da transa comigo e q estava grávida como estava apaixonado Joao Carlos resolve propor um casamento a Cida e dizer q ele a engravidou Cida e ele me falam e digo q só topo se eu poder ter contato com a criança os dois aceitam
mas eu ainda queria mais além de ter contato com a criança queria uma despedida com Cida uma segunda e última transa Cida reluta diz q não mas ameaço contar toda a verdade a todos

Cida convencida pelo futuro marido João Carlos aceita mas diz q é a segunda e última vez que vai fazer isso decido aceitar minha segunda vez com ela seria em uma terça feira nesse dia fechei o bar mais cedo vou até a casa Cida já sabia q a hora q chegasse lhe teria de novo
A barriga ainda não estava grande cerca de 3 meses de gravidez mais os seios já pareciam visivelmente maiores Cida estava de vestido florido na sala peço para tira-lo tiro tbm sua calcinha e sutiã o corpo muito parecido da vez em q a comi buceta pequena peluda seios meio caídos mais enormes e barriga flácida

Da primeira vez fui mais convencional papai e mamãe e porra dentro por azar ou destino como queira aquela coroa engravidou já desça vez fui mais ousado pedi a Cida depois de nua q me pagasse uma boquete alí mesmo na sala eu no sofá ela grávida de joelhos mamando ela relutou não queria disse q nunca tinha chupado um pau antes nem de seu marido mais insiste e disse tudo tem uma primeira vez mama Cida meio sem jeito chupou meu pau por cerca de 5 mim até q resolvo gozar em sua boca seguro com força a cabeça de Cida contra meu pau e gozo muito jatos de porra Cida engasga tenta tirar a boca do meu pau mais não consegue e sem saída engole o sêmen
Cida fica brava vai ao banheiro cuspir o resto da porra disse q nunca engoliu porra nem havia levado na boca e q o gosto era muito ruim

Vendo a cara de nojo e insatisfação com a gozada meu pau desperta volta a carga máxima kkkk e aí parto para cima de Cida q estava de costa na piada com sua bunda pequena exposta resolvo meter assim mesmo Cida geme faz cara de dor diz q está doendo um pouco mais consegue relaxar e até gozar depois de alguns minutos noto q sua boceta já está mais inchada e mais aberta fácil de penetrar ou pela gravidez ou pelo fato de João Carlos estar metendo nela também não sabia se era só fachada ou se o velho também estava metendo em Cida
Resolvo então fazer o famoso barba cabelo e bigode já havia gozado dentro tanto q ela estava grávida já havia gozado na boca e ela engolido a contra gosto só faltava o cuzinho Cida não tinha bunda grande mais aqueles pelinhos no cu me despertaram tesão depois de muito meter com força na buceta resolvo perguntar se Cida já havia dado o cu ela diz q não e nem vai

Respondo q vai sim e agora forço a cabeça do meu pinto na entradinha do cu de Cida era muito apertado pequeno e fechado Cida tentava se desvencilhar até q conseguir virar de frente e pediu para parar então a disse q se não comece seu cu contaria nosso segredo a todos
Sem saída resolvo leva lá até a cama faço a ficar de quarto a fim de tentar comer seu cu mais facilmente Cida se posiciona diz para ir devagar com cuidado para nao doer e machucar mal sabia ela q minha intenção depois de meter forte na buceta era alargar aquele cuzinho virgem e é o q faço forço a entrada do meu pau no cu de Cida ela solta um grito de dor a cabeça do meu pau estava dentro parecia q seu cu ia esmagar meu pau forço e Cida continua a gemer dessa vez pede para parar q seu cu está doendo muito não está aguentando metade do pau já entrou forço mais e vejo lágrimas escorrendo nos olhos de Cida meu pinto estava todo alojado cm por cm no seu cuzinho faço movimento forte de vai e vem sinto corpo de Cida se estremecer tiro meu pau e vejo cu de Cida bem vermelho com buraco já grande tiro e colo meu pau várias vezes Cida já não resiste mais seu corpo estava entregue fico nisso mais um tempo até q o gozo se aproxima miro o pinto na boca de Cida abro sua boca e despejo todo meu sêmen e falo para ela engolir Cida já nem contesta mais apenas com cara de choro e nojo pelo gosto do engole me recomponho e falo q temos um trato.

Dias se passam Cida revela a parentes amigos e filhos estar grávida de 4 meses e q o pai é João Carlos Cadu e principalmente Vitor não gostam da ideia mas aceitam mais alguns meses e Cida se casa com João Carlos. Cida decide continuar morando em sua casa com agora com seus três filhos Cadu continua a trabalhar fora Vitor a estudar e eu a trabalhar no bar
Agora Cida já deu a luz a um menino Marcos tenho contato com o menino de agora 4 meses não transei com Cida novamente após ela dar a luz mais quem sabe né …