Fodendo a magrinha safada em um apartamento

Sou o Joalison, um amigo me chamou para passar um dia com ele em um apartamento que ele estava trabalhando e eu acabei fodendo a magrinha safada.

Um dos meus melhores amigos estava trabalhando em um apartamento, os donos tinham viajado e deixaram ele com a chave para ficar com os cachorros que não podiam ficar sozinhos, ele para não ficar só me chamou para passar um dia com ele lá.

Chegando lá perguntei a ele se poderia chamar uma magrinha que eu estava ficando para ficar comigo lá, ele deixou, eu liguei para ela e ela aceitou o meu convite.

Eu tinha 18 anos na época mas era virgem ainda, aquela era a chance que eu tinha de foder e eu não podia deixar passar. Eu só imaginava eu fodendo a magrinha gostosa.

A magrinha tinha 18 anos também, era magrinha mas tinha peitos grandinhos e uma bunda empinadinha. Busquei ela na parada de ônibus e levei ela para o apartamento.

No apartamento ela não queria ir para o quarto, ficou com vergonha por meu amigo estar lá, mas convenci ela e ela foi.

Fodendo a magrinha gostosa

No quarto nós sentamos na cama e nos beijamos bastante, o clima foi esquentando até que eu me deitei e botei ela para deitar por cima de mim, o beijo continuou mas foi se tornando em algo mais, a magrinha ficou sarrando no meu pau enquanto me beijava deixando ele bem duro, pronto para socar nela.

Eu fui tirando a blusa dela e o sutiã enquanto ela continuava sarrando no meu pau duro, fiquei com tanto tesão que virei, botei ela para deitar e me deitei por cima dela, fui descendo o beijo até chegar nos peitos dela onde eu dei uma chupadinha bem gostosa.

Depois eu tirei o short da safadinha e fiquei dando beijos na perna dela ao redor de sua buceta até que ela falou:

– Tira minha calcinha e mete vai.

Tirei a calcinha dela e deixei ela no ponto para foder, o problema era que eu não conseguia botar a camisinha no pau pois como falei eu era virgem ainda, falei para ela que ia no banheiro e fui para lá. No banheiro eu consegui colocar a camisinha.

Saí do banheiro e fui direto para cima dela, empurrei com tudo e ela falou baixinho:

– Aiiiii.

Fui socando devagarinho e depois com mais força, a camisinha saiu do meu pau e eu não consegui botar de volta, então joguei e fiquei fodendo a magrinha sem camisinha mesmo.

A buceta dela era apertadinha, estava semi raspada, uma verdadeira delicia, fiquei metendo e ela gemendo até chegar perto de gozar, quando tava perto de gozar eu tirei e gozei nos peitos delas.

Ela ficou deitada na cama toda gozada e eu feliz da vida por ter transado, não sabia bem o que fazer então fui chupar a buceta dela, fiquei chupando e ela gemendo até que ela mandou eu parar porque ela tinha que ir embora.

Foi isso, fui para o apartamento onde meu amigo estava trabalhando e terminei fodendo a magrinha safada que tirou a minha virgindade.

Fodendo a magrinha
Fodendo a magrinha