Lésbicas se esfregando na cama do motel

Oi gente, eu sou a Jaqueline, sou uma loira gostosa e tenho 25 anos, vou contar para vocês uma história que eu chamo de lésbicas se esfregando, uma história real que aconteceu em minha vida.

Eu sou lésbica e devido a isso não tenho muitas amigas. Um dia eu fui para a balada sozinha e entre uma música e outra acabei conhecendo uma loira lésbica igual a mim, foi amor a primeira vista.

Nós dançamos muito, bebemos e nos beijamos, ela tava acompanhada com alguns amigos mas deixou eles para lá e ficou dando atenção apenas a mim.

Beijo vai e beijo vem eu perguntei se ela era ativa ou passiva, ela falou que era passiva, eu falei que também era, rimos e eu falei que no final da noite uma ia ter que escolher ser ativa, ela riu e perguntou onde íamos parar no fim da noite, eu respondi que no motel.

Ela falou que eu era safada e que ela gostava disso, não deu outra, no final da noite pegamos um Uber e fomos para o motel.

Lésbicas se esfregando

No motel depois que o efeito da cachaça passou nós ficamos um pouco tímidas mas eu percebi logo e pedi algumas cervejas.

Começamos a beber e a dançar e fomos nos soltando aos poucos, fiquei ouriçada com ela dançando, coloquei ela na parede e dei um beijo bem gostoso de língua pegando na nuca dela.

O beijo foi esquentando e ela tirou os botões do meu short, fomos tirando a roupa uma da outra devagarinho até ficarem totalmente nuas se beijando e pegando uma na nuca da outra.

Fomos para cama e lá ficou ainda mais gostoso, ficamos uma se esfregando na outra, grelo com grelo, eu por baixo e ela por cima, as duas xoxotas ficaram molhadinhas, eu apertava a bunda dela e ela me beijava compulsoriamente.

Eram duas lésbicas se esfregando mas o sexo estava melhor que com muitos homens eu creio, depois do esfrega esfrega nós ficamos uma batendo siririca na outra até chegarmos ao orgasmo em conjunto, foi maravilhoso, estou louca para me encontrar com ela novamente.

Lésbicas se esfregando
Lésbicas se esfregando