Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos porno » Contos de incesto » Virei a putinha do meu irmãozinho – Parte 2

Virei a putinha do meu irmãozinho – Parte 2

Publicado em 31 de outubro de 2023 por Gabriele

Queridos, vou continuar contando como foi o resto na noite de muito sexo gostoso com meu irmãozinho caçula ❤️
Depois do jantar improvisado e rapido, fomos para a sala, eu com uma taça em uma mão e a garrafa na outra, sentamos no sofá e colocamos Stand up, nós sempre assistimos juntos coisas que nos faz rir, e ficamos ali de resenha, conversando, rindo e assistindo, eu quando me dei conta a garrafa já estava pela metade, eu já levemente alterada, rapidamente ao perceber que estava facinha, já comecei a pensar besteiras, meu rosto foi ficando vermelho, os bicos dos meus seios já estavam firmes, sentei ao lado dele, coloquei o braço em seu ombro e com o outro já tomando o vinho direto na garrafa, ele colocou sua perna por cima da minha, e encostamos no sofá, ele ficou ali só jogando conversa fora, e eu já com a mente bolando outra fóda gostosa.

Quase no final da garrafa pedi que ele chupasse meus peitinhos, ele rápido os colocou pra fora e começou a mamar deliciosamente, e logo ao encostar minha bucetinha já piscou. Coloquei a garrafa no chão e montei em cima dele e agarrei num beijo forte e quente, ele se esfregava todo apertando minha bunda, eu bem arreganhada com as pernas bem aberta, ele apertada e eu pedi para ele bater, e ele começou a me dar umas palmadas, ele batia e eu pedia mais, e mais forte e meu neném obedecia. Falei pra ele ainda naquela posição: “Para a mão no meu cuzinho, faz carinho nele faz.” Ele claro, obedeceu. Eu sarrando a pepeca no pau dele que já estava daquele jeito, muito molhado. Falei para subirmos. Ele foi já levantando desligou a tv e já foi indo, eu peguei o restante do vinho na garrafa e virei toda, escorreu um pouquinho no canto da boca e eu ri maliciosamente, coloquei a garrafa na pia e subi. Cheguei lá, ele já tinha até esticado a cama dos pais dele, ali já tinha virado o nosso ninho de amor secreto rsrs.

Eu já fui chegando determinada do que íamos fazer, coloquei um pornô de anal e perguntei “Filme porno de sexo anal vc já via?” E ele respondeu “Claro! Quanto mais eu assisto mais coisas eu quero ver.” Eu continuei “Pois então agora vc vai foder o meu cuzinho!” Deitei de bruços na cama, coloquei um travesseiro de baixo de mim para ficar mais confortável e falei “Neném, na gaveta da mesinha tem um tubinho roxo, pega aí!” O lubrificante que eu tinha encontrado nas coisas da minha mãe rsrs. Ele pegou, eu empinei meu bumbum pra ele e disse “Abre e passa no meu cuzinho, pode por bastante e vai massageando e colocando o seu dedo.” E ele fez direitinho, com carinho e foi bem delicado.

Eu estava amando aquele vai e vem de dedos e ele já tinha colocado três e então falei para ele passar lubrificante na cabeça do pau dele e ir socando no meu cuzinho de vagar até entrar todo seu pau, e lá foi ele … Melecou seu cacete macio e já veio esfregando a cabeça no meu cu, eu comecei a rebolar feito uma cadela e ele então enfiou com tudo a cabeça do seu pau, eu disse “”EITA neném, entrou… Agora vai empurrando de vagar até o talo, não pode tirar” ele foi indo de mancinho e eu jogando a bunda para trás abrindo a bunda com as duas mãos, ajudando a penetrar, e então ele enfiou tudo e deitou o corpo no meu, aí eu disse para ele segurar firme as bandas do meu bumbum e socar gostoso e forte, sem tirar o pau de dentro do meu cuzinho, só depois de gozar.

Ele então me apertou pela bunda e socava forte, jogando o quadril para frente e puxando minha bunda para trás, rápido e forte e então lê disse “Vou gozar, vou gozar, vou gozar” e eu respondia “Goza mesmo, goza muito no cuzinho da sua putinha vai!” E ele gozou, gemia alto e se agarrou em mim por trás não queria me soltar e nem tirar o pau de dentro do meu cuzinho. Antes de tirar voltei para a posição de quatro bem empinada, pedi para ele tirar de vagar e pegar o celular para bater uma foto do meu cuzinho gozado, ele então pegou o celular dele e fotografou, meu cuzinho fechando cheio de porra e escorrendo tudo pra minha bucetinha.

5 1 vote
Avalie esse conto:
258 views

Contos Porno relacionados

Comentários

guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
© 2023 - Contos porno
0
Clique aqui para comentar esse conto!x