Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos porno » Contos de incesto » As Aventuras de Graziely: Uma ninfeta incestuosa – Temporada 1: EP6: convenci minha prima evangélica a experimentar outra mulher e fazer amor comigo

As Aventuras de Graziely: Uma ninfeta incestuosa – Temporada 1: EP6: convenci minha prima evangélica a experimentar outra mulher e fazer amor comigo

Publicado em 12 de janeiro de 2023 por Paulo Souza

Tenho uma prima bem próximo chamada Jucilene de 19 anos, ela é filha do irmão do meu pai que a família é bastante evangélica, os pais dela estavam estudando pra virar pastor. Ela não é considerada atraente, uma morena de altura média, corpo magro, cabelo longo e está sempre vestida como evangélica de saia longa etc. as vezes com vestidos lindos que vira igual uma princesa.

Nos somos bem próximas, mas obviamente ela não sabe das minhas aventuras. Ela e a família moravam a pouco tempo em outra cidade e eu não a via a algum tempo.

Ela e a família vieram passar uns dias conosco, nós passamos esses dias todos juntos, até cancelei minha participação numa suruba entre amigos pra isso.

Uma tarde nós duas estávamos no meu quarto, deitadas vendo televisão. Então tivemos a ideia deveu desfilar pra ela, com alguns dos meus biquínis. Depois disso fiquei com o biquíni e ela me falou do curso de massagem pra horas complementares que fez na faculdade, logo eu pedi uma massagem já que estava de biquíni.

Dei um óleo de coco que tinha e logo ela passou nas minhas costas massageando, eu amei, durante a massagem, ela me sussurrava elogios e me deixava com mais tesão, até que não resistir mais, e dei um beijo na boca dela de língua e ela não me empurrou nem nada, ela aceitou o beijo e mandou vê com língua também. O beijo durou uns 20 minutos, sem que uma falasse nada pra outra. Notei que ela gostava de ser conduzida por alguém, quase que dominada.

Então perguntei se ela já tinha chupado um pau antes, ela disse que não, e decidir ensina ela minha técnica, peguei um pinto de borracha da gaveta. Primeiro mandei que fizesse na minha língua depois praticasse no pau. Mostrei todos os pintos de borracha que tinha (inclusive um gigante do incrível Hulk), perguntei qual deles ela achava que conseguiria engoli tudo com o cu. Até que a mãe dela chamou pra eles sairem pra algum lugar. Combinei com ela de nos encontramos a noite quando nossos pais ia sair pra casa de outros parentes.

Preparei um surpresa pra ela, estava muito empolgada, comprei algumas latas de leite condensado e doce de chocolate misturei tudo numa panela. Mandei mensagem pra ela vim sem roupa de íntima

Quando ela voltou eu estava pronta, eu estava com meu Robe, já nua por baixo. Ajudei ela a tirar as roupas de evangélica comportada. Mandei a ajoelhar e fechar os olhos, então passei a mistura de chocolate por todo o corpo dela, ela abriu os olhos e mandei que fizessem o mesmo em mim, os beijamos outra vez, usamos consolos uma na outra. Chupamos o chocolate do corpo da outra. É fizemos a tesoura.

0 0 votes
Avalie esse conto:
128 views

Contos Porno relacionados

Comentários

guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
© 2023 - Contos porno
0
Clique aqui para comentar esse conto!x