Bucetuda me deu o prazer de lhe foder

Sou o Marcos do Rio grande do sul, conheci uma bucetuda no tinder e no nosso primeiro encontro já tivemos uma foda bem gostosa.

Esta mulher se chama Aline, ela tem 22 anos, estuda enfermagem e nós conversamos por uma semana diariamente.

A gente marcou de se encontrar em um sábado, porém na sexta-feira ela me mandou uma mensagem falando que estava só em casa e queria que eu fosse lá, claro que fui.

Chegando lá a gostosa estava só de blusinha e shortinho, já fiquei excitado, nós conversamos um pouco na sala e depois ela me levou para assistir um filme no seu quarto.

O filme que ela escolheu foi 50 tons de cinza, nisso já tava claro as intenções dela, com 15 minutos de filme rolando a gente começou a se pegar e daí em diante foi uma maravilha.

Bucetuda gostosa me deu a buceta

Trocamos vários beijos de língua bem gostoso até que o clima foi esquentando e passei a mão na xota dela, ela retribuiu e passou a mão no meu pau.

– Nossa, que pau grande. Ela disse.

– Ela já está durinho, pronto para te comer. Falei.

Chupei o pescoço dela e fui tirando seu short devagarinho, ela falou no meu ouvido que era pra eu chupar sua buceta, desci até lá e obedeci.

A safada bucetuda gostava muito de ser chupada, eu passava a língua na sua xota e ela gemia bem gostoso pedindo mais, chupei ela com as pernas arreganhadas e depois ela se virou, ficou com um bumbum empinado para eu chupar ela em outra posição.

Nessa posição além de chupar a buceta dela eu também passei a língua no seu cuzinho, ela adorou, cada lambida que eu dava ela se contorcia toda e dizia que tava gostoso.

Chupei até cansar, depois tirei a cueca e botei a camisinha, comi ela naquela posição, foi muito gostoso, a primeira botada ela deu um gemido e falou para eu empurrar com força.

Eu socava com força e dava tapas na bunda dela que ficou toda vermelhinha e com as marcas da minha mão de tanto ela pedir mais, a bucetuda gostava de apanhar.

Fora os tapas eu ainda puxava o cabelo dela e a xingava de safada e vadia gostosa, ela sempre pedia mais e cada vez mais eu empurrava com mais força, até que o prazer chegou ao extremo e não deu mais para aguentar, tirei a camisinha e gozei na bunda dela.

Ela se levantou, foi se limpar e depois voltou sorrindo, falou que eu era muito gostoso. Pouco tempo depois fui embora pois seus pais iriam chegar.

Depois deste dia todas semanas a gente se encontra em um motel para foder gostoso, somos a foda preferida um do outro.

Bucetuda
Bucetuda