Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos porno » Contos eróticos gay » WC / Banheirão em Lisboa

WC / Banheirão em Lisboa

Publicado em 31 de outubro de 2023 por FotógrafoLisbon

Olá meus amigos..
Pra quem não me conhece, vai aí um breve resumo: Tenho 29 anos, branco, cabelos ondulados, bunda grande, bom pau.
Ah e Atualmente: Bi!
Deem uma olhada no meu último conto, foi uma aventura incrível.. (indico ler pra me conhecer um pouco melhor).
Enfim, moro em Lisboa já alguns anos, e TODOS nós sabemos o que rola em “banheirão”, e aqui em Lisboa não é diferente, e há muitas “casas de banho” “WC” públicos, em que rolam engates/pegações, porém isso é uma prática arriscada, pois em shopping’s/centro comerciais há muitos seguranças e até polícia. Exemplo é o Colombo, na qual é bastante frequentado, e há muitos seguranças que circulam pelas casas de banho já na intenção de apanhar essas práticas.. Confesso que evito, porém às vezes o tesão fica incontrolável, e certa vez, ao sair do cinema, fui correndo numa das casas de banho desse mesmo centro comercial, e me deparo com um carinha magro, alto, rostinho de novinho e muito lindo, parado em um dos mictórios.
Só havia ele ali, e assim que me viu, deu um sorrisinho e uma piscadela.

Não retribui, e entrei em um dos reservados, afinal, eu realmente precisava mijar. Ao sair, percebi que o carinha ainda estava lá, trocamos olhares, ele sorriu novamente e me mostrou um Pau grande e reto. De supetão fui até ele, e o mesmo já ofereceu o pau pra eu tocar, e ao fazer isso, o novinho já veio me dando um beijo, mas não de língua, só lábios encostando um no outro.. Eu comecei a masturba-lo, seu pênis estava MEGA rígido. Tirei o meu pau pra fora, e na mesma hora o rapaz o agarrou e começou me punhetando de forma rápida e descompensada e em questões de segundos, o menino começou a gozar.. O que me deu ainda mais tesão, tirei a sua mão do meu pau, e comecei a me masturbar, vindo a gozar logo em seguida. Sem trocarmos nenhuma palavra, demos outro beijo, e saímos do banheiro sorrindo um pro outro.

Outra situação parecida, aconteceu num outro shopping, também bastante frequentado. Ao entrar no banheiro, parei num mictório, sem qualquer vontade de urinar, eu queria “manjar rolas”.
Eu estava nervoso, com medo de ser pego, mas estava com vontade de gozar.
Um senhor, por volta de uns 50 anos, completamente charmoso, de terno e gravata, parou exatamente ao meu lado, e sacou o pau duro, me oferecendo. Comecei a masturba-lo, e o mesmo começou a apertar minha bunda. Eu que já estava mega duro, e com o pau todo babado, larguei a pica do cara, e comecei a me masturbar com intensidade, na qual gozei muito, e saí de lá, sem nem olhar para trás.

E óbvio, tentei outras vezes, mas não rolava nada, e cada dia que se passava, ficava ainda mais perigoso. Então decidi não frequentar esses WC’s na qual contei.
E essa introdução toda, é pra apenas dizer que, descobri que aqui próximo ao trabalho, tem um minúsculo centro comercial, na qual fica encima de um mercado, e neste mesmo centro comercial tem uma academia/ginásio e claro, há um WC totalmente escondido, e que é basicamente frequentado pelos funcionários das lojas deste lugar, e dos clientes da academia. Este mesmo WC, possui senha, um código na porta pra entrar..
(Quando estamos empenhados em algo, é fácil descobrir qualquer coisa).
Descobri a tal senha, e fui me aventurar..

Nada rolava, confesso que foi bem frustrante no início, mas não desisti, até certo dia, ao entrar no wc, havia um cara lá, bem bonito por sinal, mais baixo que eu, e estava na pia lavando as mãos.
Fizemos aquela troca de olhares, fui até um mictório, coloquei meu pau meio-bomba pra fora, e o cara ainda continuava me olhando, até que o mesmo se posicionou ao mictório ao lado, e me mostrou aquele pau médio-grande, e a partir daí foi só diversão. Começamos uma punheta mútua, iguais dois adolescentes, cada um pegando e explorando o pau do outro, nos acariciávamos, devagar, aproveitando a situação. Ficamos assim durante um breve tempo, estávamos já ofegantes. Nos olhando nos olhos, gozamos. Cada um foi pro seu canto, e nunca mais rolou nada. Eu pensava muito neste cara, e nunca mais nos vimos.
Daí parei de visitar esse WC. Fiquei meses sem ir lá.

Até que uns dias atrás, resolvi dar uma passada lá. E enquanto eu caminhava em direção ao wc, um carinha passou por mim, cruzamos olhares (essa troca de olhares é importante, pois isso pode indicar muita coisa).
Entrei no wc, e fui para um reservado, em menos de 1 minuto, ouço a porta se abrir e se fechar. Esperei uns segundos, e quando saí do reservado, vejo que o carinha que passou por mim, estava no mictório, se masturbando levemente.
O cumprimentei com a cabeça, e o mesmo retribuiu balançando o pau, ainda mole.. Me aproximei, e o carinha já foi me lascando um beijo, e que beijo!
Ele era branco, cabelos bagunçados meio loiro/ruivo, olhos azuis, e estava usando uma roupa estilosa. Nosso beijo intensificou, e não aguentei, me ajoelhei e caí de boca em seu pau.. Senti aquela delícia crescer rapidamente na minha boca, o que me surpreendeu, pois era um pau grande, macio, não circuncidado, com a cabeça rosa, e seus pelos eram bem avermelhados. O puxei para um reservado, sentei-me no vaso, e dei o meu melhor, pagando um boquete pra ele.
O carinha se contorcia de prazer, meu pau latejava de tão duro. Me levantei abri a tampa do vazo e gozei muito. O carinha se masturbava enquanto eu gozava, e logo em seguida também gozou. Nos beijamos novamente. Saímos do reservado e ele perguntou “Repeat again?”, e combinamos de nos encontrar dali alguns dias, no mesmo horário.

Eu ainda sem acreditar no que tinha acabado de acontecer. Um carinha extremamente lindo, gostoso, com um pau perfeito, e ainda querendo repetir essa brincadeira, comigo!!
O que no fim das contas, deu certo.
Cheguei lá sem esperanças de reencontrá-lo, mas quando quando entrei no wc, lá estava ele, sozinho, já com o pau incrível duro, e quando me viu já abriu um sorrisão lindo, fui já pegando em seu pau, e começamos a nos beijar.
Até que ouvimos o barulho da porta.. Ficamos parados lado-a-lado no mictório.
Entrou um rapaz moreno, bem bonito, nos olhou, e entrou no reservado.

Logo, eu e o Loiro Lindo, nos desvencilhamos para dentro do outro reservado, e como estávamos cheios de tesão nem fechamos a porta.. Eu me sentei no vaso, como na ultima vez e começou a chupar aquele pau gostoso.
O moreno saiu do reservado, e parou na frente do nosso e ficou nos olhando, ele estava visivelmente nervoso, pois sua mão tremia. Ele nos contemplava e apertava seu pau por cima da calça, o que fazia um volume lindo.. Estendi minha mão pra ele se juntar a nós, mas ele olhou para a porta de entrada e me olhou preocupado e disse: “foi mal” e saiu do wc.
Eu e meu Loiro Lindo rimos um pro outro e voltamos a nos pegar loucamente. Eu mavava aquela pica de forma honrosa, como se minha vida dependesse daquilo.. Comecei a sentir o gosto de gozo, daí foi minha deixa pra sugar aquele pau ainda mais.. O Loiro lindo, tirou seu pau da minha boca e gozou muito, eram jatos e jatos pesados, frenéticos.
Voltamos a nos beijar, comecei a me masturbar, meu saco doía, meu pau estava extremamente duro, a cabeça parecia que iria explodir.. Gozei!
Nos olhamos, nos beijamos devagar..

E saímos do wc satisfeitos.. Combinando a próxima aventura.. Mas por algum motivo, nos desencontromos. Já fazem duas semanas que não o vejo lá. Eu costumo ir em um dia específico da semana, e sempre no mesmo horário.. Mas desde então, não rola mais nada.. Acho que tive sorte apenas!!
E se caso, meu Loiro lindo estiver Lendo isso, saiba que sinto falta do seu Pau. Hahahah (claro que ele não está lendo, até porque as poucas palavras na qual falamos, eram na maioria em inglês).

Obs: Eu não falei aqui em qual casa de banho/WC é, pois como é pouco frequentado, é melhor não divulgar..
Mas um verdadeiro Hunter de Lisboa, sabe exatamente qual WC estou me referindo..
Ah me seguem lá no Twitter, podemos bater um bom papo: https://twitter.com/FotografoLisbon
.. Beijo Grande..

0 0 votes
Avalie esse conto:
714 views

Contos Porno relacionados

Comentários

guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
© 2024 - Contos porno
0
Clique aqui para comentar esse conto!x